Assembleia Municipal do Porto aprova esterilização de animais abandonados!

As Assembleias Municipais das duas principais cidades do país já aprovaram Recomendações aos respectivos executivos visando a esterilização dos animais abandonados destas cidades. Primeiro Lisboa e agora o Porto.

A Recomendação aprovada pela Assembleia Municipal do Porto foi proposta pelo BE e aprovada com os votos a favor do BE, CDU e PS e as abstenções do PSD e CDS e pode ser lida neste link

http://porto.bloco.org/index.php?option=com_content&task=view&id=944&Itemid=1

Entre a aprovação de uma Recomendação pela AM e a sua concretização pelo executivo  vai uma grande distância como, infelizmente, tem constatado o Grupo de Lisboa.   

Mas é um primeiro passo de grande importância. E como diz o povo, “água mole em pedra dura tanto dá até que fura”.

Aliás, tudo se encaminha para que esta politica dos abates esteja condenada a breve prazo: razões éticas primeiro, mas também razões económicas.

Os animais de companhia só precisam de um maior empenhamento dos Grupos Concelhios para que seja virada esta triste página da sua história.

Advertisements

3 Respostas to “Assembleia Municipal do Porto aprova esterilização de animais abandonados!”

  1. Maria Osvalda Arez Gonçalves Says:

    Fiquei muito satisfeita com a notícia, vai andando a pouco e pouco, mas vai-se vendo resultados.

  2. cristina Says:

    Há que aproveitar as leis da física; neste caso a inércia. O movimento custou a arrancar, mas agora que iniciou a marcha, vai ganhando velocidade e força, tornando-se o motor de si próprio.

    Obrigada às pessoas que acreditaram que era possível mudar o status quo e que nisso se empenharam.

  3. Eduarda Vieira Says:

    Claro que a aprovação desta recomendação é melhor que nada. Contudo, a esterilização obrigatória dos animais dados em adopção pelo canil deverá ser obrigatória. Não há outra forma de controlar o aumento populacional de cães e gatos. Isto já foi reafirmado e conversado com a deputada municipal Alda Macedo do Bloco de Esquerda.
    Não se pode ser lírico nesta matéria. Todos os dias são abandonados cães e gatos recém nascidos em contentores do lixo, vidrões (já aconteceu no Porto) e caixotes.
    Sem controlo populacional não há possibilidade de minorar o problema,sim porque para a solução ainda faltam décadas. Não há proporcionalidade entre o número de potenciais adoptantes e o número de animais que nascem.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: