E-mail enviado ao Presidente da CML, Dr. António Costa, a propósito das afirmações públicas da Dr. Luisa Costa Gomes

Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Dr. António Costa

 No Boletim da Junta de Freguesia de Marvila (em anexo), número de Janeiro, é publicada uma entrevista da Dr.ª Luísa Costa Gomes, Chefe da Divisão de Higiene e Controlo Sanitário  e responsável pelo canil/gatil municipal, em que esta afirma que, se por qualquer motivo não se pode manter o animal, deve-se entregá-lo no canil/gatil, sem qualquer sanção, para que este possa ser encaminhado para adopção”.

Quando diz que os animais são encaminhados para adopção, a Dr.ª Luísa Costa Gomes está a usar uma «metáfora» de péssimo gosto e a enganar os munícipes, levando-os a pensar, erradamente, que os animais não vão ser abatidos ou morrer (Dados sobre a actividade do Canil Municipal de Lisboa, em anexo).

Na verdade, as taxas de adopção no canil/gatil em 2009 foram as mais altas do período 2002-2009 e, apesar disso, ficaram-se pelos 24%. Em contrapartida, a taxa de mortalidade foi de 70%.

V. Ex.ª esteve presente na AML de 8 de Fevereiro em que os representantes do Grupo de Lisboa da Campanha de Esterilização proferiram duas intervenções (em anexo), sendo uma delas justamente sobre a gestão do canil, na qual se chamava a atenção para a forma, no mínimo displicente, como o canil/gatil aceita os animais entregues pelos “donos”, sem questionar as razões da entrega e sem obrigar ao pagamento de qualquer taxa.

Esta política de cobertura do abandono e da irresponsabilidade levou a que, entre 2002 e 2009, o número de animais entregues no canil/gatil tenha crescido 58%, ultrapassando em 2009, no caso dos cães, o número dos animais capturados ( mais 27%).

A facilidade proporcionada pelo canil/gatil aos “maus donos”, para além de ser o oposto da mensagem que se pede aos responsáveis políticos no combate ao abandono, traduz-se, por sua vez, em custos acrescidos que a entrada de um maior número de animais não pode deixar de implicar.

É sabido que a falta de licença dos cães dá direito a coima e a Dr.ª Luísa Costa Gomes apressa-se a esclarecer que não há “qualquer sanção”, donde se deduz que se os donos os entregarem no canil/gatil sem terem as licenças em dia, estão perdoados. Quem decide isto? Que atropelo é este às leis da República? Como se prova, então, a propriedade do animal? Não é também para isso que existem as licenças?

Confirma-se, mais uma vez, que o Grupo de Lisboa tem razão para questionar a competência para o cargo da actual responsável pelo canil/gatil, sendo certo que esta tem prestado um péssimo serviço aos animais e aos munícipes.

Ao invés disto, gostariam que a CML, através da acção do dirigente do canil/gatil, participasse no esforço de educação da comunidade no sentido da responsabilidade, individual e colectiva, pelos animais de companhia, começando por a confrontar com a triste realidade de um abate anual de quase dois mil animais.

Aguardam, pois, com grande expectativa, que V. Exª. tome as medidas necessárias para reconciliar a CML com os lisboetas que amam e defendem os animais e que não vão desistir desta luta em prol de um canil/gatil dirigido, como é de lei, por um veterinário municipal, competente e humano, capaz de assegurar uma gestão que respeite os animais da cidade e os munícipes.

Os documentos a que se refere o texto podem ser lidos nos seguintes posts:

Excerto do Boletim da Freguesia de Marvila – post de 17 de Fevereiro

Intervenções na AML – post de 8 de Fevereiro

Dados sobre a actividade do canil/gatil municipal de Lisboa- post de 13 de Agosto de 2010

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: